Está sopa come-se no Ribatejo sem ser passada e sem o xuxu, é uma sopa de sustância que os antigos comiam sem mais nada, primeiro comiam o caldo e depois as couves como se fosse o conduto.

Noutros tempos, nas aldeias do interior os aldeões eram vegetarianos durante uma grande parte do ano, não havia dinheiro para a carne nem para o peixe e este quando lá chegava, eram as sardinhas salgadas, ou os chicharros e cavalas.

Sopa “passada” de couve com feijão

1 batata cortada em cubos

1 xuxu cortado em cubos

1/2kg de feijão branco

Folhas de couve portuguesa cortadas grosseiramente

Azeite

Água

Sal grossoSopa "passada" de couve com feijão sopa passada de couve com feijão - Sopa “passada” de couve com feijão

Grafe e Faca Creme de Couve e Feijão (5) sopa passada de couve com feijão - Sopa “passada” de couve com feijão

Numa panela pequena ponha a batata e o xuxu tapado com agua, quando estiver tudo cozido Junte metade do feijão com o sal e passe com a varinha até ficar em puré, a seguir junte as couves e o resto dos feijões, quando as couves estiverem quase cozidas deite o azeite, deixe levantar fervura, apague o lume e está pronta, uma maravilha!!!

Sopa "passada" de couve com feijão sopa passada de couve com feijão - Sopa “passada” de couve com feijão

Sopa "passada" de couve com feijão sopa passada de couve com feijão - Sopa “passada” de couve com feijão