Kinkan: Uma pequena grande maravilha cítrica.

25

Bem-vindos a mais uma descoberta culinária do “Grafe e Faca”, onde cada ingrediente tem sua história e um sabor único a ser explorado. Hoje, vamos falar da Kinkan, uma fruta cítrica pequenina, também conhecida por laranja de ouro, símbolo da felicidade, repleta de surpresas e possibilidades gastronómicas.
A arvore de kinkans que plantei no Ribatejo já lá vão alguns anos, vive num clima perfeito, muito quente no verão e muito frio no inverno. Originária da Ásia, a Kinkan, também conhecida por  kumquat, é uma fruta que desafia as expectativas. Com uma casca comestível doce e uma polpa cítrica ligeiramente amarga, oferece uma experiência gustativa complexa e estimulante. Há quem adore e à quem deteste!
Embora tenha um tamanho diminuto; a Kinkan é uma gigante em termos de benefícios nutricionais. Rica em vitamina C, antioxidantes e fibras, esta fruta é um aliado poderoso para fortalecer o sistema imunológico, combater os radicais livres e promover a saúde digestiva.

Versatilidade na Cozinha
Na cozinha a Kinkan é muito vesatil. Em sobremesas, em molhos picantes ou como um toque cítrico nas saladas, a Kinkan consegue transformar qualquer receita com a sua combinação única de doçura e acidez.

Receitas com Kinkan
No “Grafe e Faca”, estamos sempre em busca de formas de trazer novos sabores e experiências para a sua mesa. Aqui estão algumas ideias de receitas que destacam a singularidade da Kinkan:

Frango Assado com Kinkan
Ingredientes:
4 coxas de frango
12 Kinkans, cortadas ao meio
4 dentes de alho, esmagados
2 colheres de sopa de mel
2 colheres de sopa de azeite
Sal e piri-piri a gosto
Ramos de alecrim ou tomilho fresco
Preparo:
Pré-aqueça o forno a 200°C.
Tempere o frango com sal, piri-piri, alho e azeite. Ponha numa assadeira.
Distribua as Kinkans à volta do frango e regue tudo com mel.
Junte os ramos de alecrim ou tomilho sobre o frango.
Leve ao forno cerca de 40-45 minutos, ou até o frango estar bem dourado e cozido por dentro.

Geleia de Kinkan
Uma geleia rica e aromática, perfeita para torradas ou como acompanhamento de pratos de carne.
Ingredientes:
500g de Kinkan
400g de açúcar
250ml de água
Sumo de 1 limão
Preparo:
Lave bem as Kinkans e corte-as em rodelas finas, removendo as sementes.
Numa panela, coloque as rodelas de Kinkan, o açúcar, a água e o sumo de limão.
Leve a fogo médio, deixe cozinhar até a mistura engrossar e adquirir a consistência de geleia, cerca de 30 a 40 minutos, mexendo ocasionalmente.

Salada de Kinkan
Ingredientes:
2 tijelas grandes de rúcula, espinafres, alface
8 a 10 Kinkans, cortadas em rodelas finas
½ tijela de nozes tostadas
Queijo de cabra esfarelado a gosto
Para o molho: azeite, sumo de limão, sal e pimenta a gosto
Preparo:
Numa saladeira grande, misture a salada com as rodelas de Kinkan.
junte as nozes e o queijo esfarelado por cima.
Prepare o molho misturando o azeite, o sumo de limão, sal e pimenta.
Regue a salada com o molho antes de servir.

Kinkan Caramelizada com Iogurte Grego
Ingredientes:
200g de Kinkan
150g de açúcar
100ml de água
Iogurte grego para servir
Preparo:
Numa frigideira, misture o açúcar com a água e cozinhe em fogo médio até formar uma calda caramelizada.
Adicione as Kinkans cortadas ao meio sem os caroços e deixe cozinhar até que fiquem macias e bem cobertas pela calda, cerca de 10 a 15 minutos.
Sirva as Kinkans caramelizadas sobre uma boa quantidade de iogurte grego, ideal para uma sobremesa ou um café da manhã especial.

Estas receitas são apenas um ponto de partida para explorar a versatilidade da Kinkan na cozinha. Experimente e ajuste os ingredientes de acordo com o seu gosto pessoal!

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Like
Fechar
© Desenvolvido por Armazém 3. Desenhado por Grafe Publicidade Copyright 2023. All rights reserved.
Fechar