Lá no Ribatejo, quando era miúdo, o meu pai fazia muitas vezes o Bacalhau à Lagareiro, que não tem nada que ver com o que se come hoje em dia nos restaurantes. Contava-me muitas vezes que este bacalhau era feito normalmente no lagar quando se fazia o azeite. Utilizava-se a fornalha a lenha que aquecia a água para assar o bacalhau num tabuleiro mergulhado em azeite, com bastante cebola e as batatas a murro cobertas de sal.

O Torricado eram fatias de pão, também torradas na fornalha, que depois eram mergulhadas no azeite novo, salpicadas com sal grosso, e comiam-se assim com o azeite escorrer.

Se não tiver um lagar à mão, pode sempre torrar o pão no forno, na torradeira) ou nas brasas. Também pode esfregar um dente de alho no pão e só depois regar com o azeite, que fica delicioso.

Para mim é tão bom ou melhor que o pão com tomate espanhol.

torricado