Durante umas curtas férias a passear por Trás-os-Montes, fiquei uns dias por Pitões das Júnias. Herdeira natural da velhíssima freguesia de São Vicente do Gerês, nas profundezas do rio Beredo, que recebe águas de vários ribeirinhos na montanha, Pitões é a povoação mais alta do Barroso, a perto de 1100 metros. Este facto contribuiu em grande medida para a elevada qualidade e premiação do presunto e fumeiro desta localidade.

Por recomendação da Luísa, fomos jantar ao restaurante do tio: o Dom Pedro. Começamos por comer um queijo cortado em fatias, uns rissóis de carne ótimos, uns pastéis bacalhau e ainda uma alheira assada na brasa. Estava tudo muito bom! A seguir veio um bacalhau frito a desfazer-se na boca com umas batatas fritas crocantes, numa quantidade enorme pois a gente barrosã come bem. Acompanhamos com um bom verde da casa que ficou perfeito.

A quem fizer o caminho do Barroso, recomendo vivamente a passagem por aqui.

Restaurante Dom Pedro - Pitões das Júnias

Restaurante Dom Pedro - Pitões das Júnias

Restaurante Dom Pedro - Pitões das Júnias

Restaurante Dom Pedro - Pitões das Júnias

Restaurante Dom Pedro - Pitões das Júnias

Restaurante Dom Pedro - Pitões das Júnias